Biodiversidade

Como parte fundamental do negócio florestal, estamos comprometidos com uma boa gestão ambiental, que se traduz no respeito e no cuidado com a biodiversidade. Colocamos a serviço da sociedade todo nosso conhecimento e experiência e trabalhamos intensamente para determinar a presença de espécies ameaçadas de extinção (flora e fauna), além de identificar, manejar e monitorar as Áreas de Alto Valor de Conservação, que são todas aquelas que por suas características – geográficas flora e fauna – necessitam de uma maior atenção e cuidado.

Na CMPC contamos com 114.160 hectares de bosque e vegetação nativa e 147.905 hectares de proteção de bacias, cursos de água, flora, fauna e AAVC, que representa 25% do total de nosso patrimônio florestal.

No caso do Chile, temos 14 AAVC biológicas. Conservamos uma superfície total de 10.220 hectares, onde se resguardam flora e fauna vulneráveis, como o Pitao (Pitavia punctata) ou Canelillo, o Ruil e o Hualo (Nothofagus glauca) ou Roble Maulino, todas espécies arbóreas endêmicas do Chile, e o Huillín (Lontra provocax) conhecido também como lontra de água doce.

No Brasil mantemos cinco áreas AAVC biológicas, com presença de aves e mamíferos vulneráveis, reunindo em conjunto uma superfície total de 1.808 hectares de AAVC biológicas. Destaca-se a de Barba Negra, também conhecida como Reserva Particular do Patrimônio do Estado do Rio Grande do Sul, que preserva 769,4 hectares de Mata Atlântica.

Na Argentina, contamos com 15 AAVC biológicas, as quais em total perfazem 9.430 hectares, destacando as áreas de patrimônio da Península (3.320 hectares) e de Timbauva (2.056 hectares) ao norte da província de Corrientes.

Manejo sustentável das plantações

Nosso patrimônio florestal equivale pouco mais de 1 milhão de hectares entre Chile, Argentina e Brasil. No entanto, 25% correspondem a bosques protegidos e conservados.

O manejo sustentável destes solos garante a proteção dos bosques nativos e sua biodiversidade, de forma que a madeira seja obtida exclusivamente de plantações de origem controlada e perfeitamente rastreáveis desde sua origem até seu destino final.

Através de diferentes certificações, garantimos uma operação harmônica nos âmbitos econômico, social e ambiental, o que implica que todas as plantas devem manter uma relação com as comunidades vizinhas e promover a busca de acordos com estas, com o objetivo de melhorar a integração entre as tarefas produtivas e os programas de responsabilidade social.

Brigadas florestais

Nosso patrimônio florestal está constantemente ameaçado pelos incêndios que também poderiam afetar as comunidades vizinhas. É por isso que contamos com brigadas de prevenção e combate de incêndios, que por sua vez contam com torres de vigilância, kits de emergência, uma frota de aviões e helicópteros que entregam suporte as comunidades de entorno.

Em virtude dos incêndios que afetaram o Chile no início do ano 2017, realizamos diferentes atividades relacionadas à prevenção e o combate de queimadas. Além disso, reflorestamos bosques, ajudamos na reconstrução de localidades afetadas e colocamos à disposição uma frota de 20 aeronaves, entre eles, o super helicóptero Chinook. Estas ações totalizaram aproximadamente US$27 milhões.