April 23, 2021

“Sou um dos atrasados, mas hoje estou convencido de que esta vacina é importante para todos evitarem esta pandemia que nos atinge”, afirma José La Regla, vizinho da comuna de Nacimiento após frequentar o novo posto de vacinação localizado no ginásio da planta de Santa Fé da CMPC, especialmente equipada com todas as medidas sanitárias necessárias para ajudar no combate à Covid-19 e agora também à gripe.

Esta nova iniciativa, que vai operar até o próximo junho, duas clínicas móveis completamente preparadas se juntam à batalha que já cumpre dois meses para levar pessoal de saúde até as zonas rurais e distantes das regiões de Biobío e de La Araucanía.

Até o momento, as clínicas móveis administraram vacinas contra o COVID-19 e a partir da semana passada assumiram um novo compromisso que é a incorporação da vacinação contra a influenza. 

“Em Desafío, queremos chegar a todos os cantos do país com soluções eficientes. Por isso, sabemos que é muito importante ajudar a acelerar o processo de vacinação, tanto para COVID quanto para influenza. Estamos muito orgulhosos de todo o trabalho que realizamos durante a pandemia, graças ao apoio constante da CMPC. Levantar o Chile é tarefa de todos”, disse o diretor executivo do Desafío Levantemos Chile, Nicolás Birrell.

O chefe de Assuntos Públicos da CMPC zona centro, Didier Cares, afirmou que “como companhia temos tido um papel ativo para apoiar os vizinhos nesta contingência tanto na vacinação contra a COVID e agora também contra a influenza. É assim que temos disponibilizado clínicas móveis que vão ajudar pessoas com dificuldades para se mobilizar, doamos máscaras e apoiamos o saneamento de cidades, ação que retomamos”.

A mobilidade se tornou um dos principais desafios para as pessoas que vivem em comunas rurais no sul do Chile. Por este motivo, o trabalho das clínicas móveis veio para relevar uma missão importante para a segurança da saúde de idosos, pessoas com deficiência, doenças crônicas ou qualquer vizinho com problemas de transporte.

“Esta é a melhor iniciativa que puderam fazer porque, se prestarem atenção (mostra o lugar onde se encontra), aqui há pessoas que têm 90 anos e são portadoras de doenças crônicas, e o tema de poder levá-los a um lugar é mais arriscado porque podem se contagiar. Considero muito valioso que venham aqui aplicar suas vacinas”, assegura Roberta Astete, quem durante esta pandemia tem cuidado de seus familiares idosos.

Novas instalações

Diante do novo pico de contágios que o coronavírus trouxe e da chegada das baixas temperaturas, o complexo esportivo da Planta Santa Fé da CMPC surgiu como uma alternativa de centro de vacinação.

A empresa colocou este espaço à disposição das autoridades da saúde e para habitá-lo corretamente foi realizada uma série de ações, tais como disponibilização de conexão com a internet, delimitar espaços, geração de sinalização, instalação de pedilúvio, dispensador de álcool gel, além de implantação com mesas e cadeiras para o público em espera.

O diretor do Serviço de Saúde Biobío, Fernanda Vergara, sinalizou que “mais uma vez CMPC colabora com o Serviço de Saúde, já que primeiro nos ajudaram com o hospital de campanha de Los Ángeles e as clínicas móveis para vacinar as pessoas, principalmente de zonas rurais. E, agora, a partir de sábado 17 de abril, nos emprestaram um ginásio em Nacimiento para poder vacinar o nosso público-alvo”.

As autoridades locais, de Saúde e representantes da CMPC percorreram pelo ginásio que a partir de agora será o único centro de vacinação de Nacimiento e arredores e que farão vacinações contra Covid-19 e influenza até o próximo junho.

O chefe de Assuntos Públicos da CMPC zona centro, Didier Cares, destacou que “em Nacimiento temos colocado à disposição das autoridades o ginásio da Planta Santa Fé, um espaço ideal para atender o público-alvo da campanha de vacinação, principalmente quando já estamos enfrentando a temporada de chuvas e frio”.