CMPC Madeiras inova com produto de madeira impregnada ionizada com cobre

Propósito Corporativo
Criar

--

ODS Chocados

Diferentes avanços tecnológicos, novos sistemas de pré-fabricação e uma série de processos que melhoram o desempenho construtivo da madeira fizeram com que a CMPC continuasse desenvolvendo pesquisas, testes de fabricação e posterior comercialização de compensados ​​e serrados com cobre micronizado no Chile. Por todo o país e chegando à América Central, onde mais vende desde o início dos primeiros embarques em dezembro de 2016, para a Austrália, em todos esses lugares o compensado é utilizado na construção civil e também na fabricação de móveis.


Os contraplacados e com mais resistência a madeira serrada de Pinheiro Radiata, em bruto e aplainada, são impregnados com sais de cobre micronizado, uma combinação que oferece vantagens e qualidades fundamentais que alargam o leque de utilização destes produtos no comércio, distribuição e na indústria, mas acima de tudo, contribuindo para melhorar a qualidade das soluções construtivas e arquitetônicas. Em linhas gerais, os produtos impregnados com partículas de cobre apresentam melhor desempenho em climas complexos, maior durabilidade, excelente acabamento superficial, cor mais clara que facilita a pintura e / ou coloração.


A madeira impregnada da CMPC, além de ser estruturalmente certificada, no caso de sua utilização na construção, é resistente à umidade e ao ataque de fungos e cupins, aumentando sua durabilidade às condições ambientais e climáticas, o que permite sua utilização em interior e exterior, e acima do nível do solo. As peças são secas em câmara antes e após o tratamento de impregnação, com um teor de umidade final menor que 19%, o que confere alta estabilidade dimensional. Por sua vez, o tratamento de impregnação se dá por meio de um processo de vácuo-pressão com cobre micronizado, com retenção de acordo com a sua utilização em serviço, podendo ser implementado em condições climáticas agressivas. As retenções mais utilizadas são de 1 e 2,4 kg / m3 ativo de acordo com a norma (NCh 819, AWPA).


O produto utilizado no processo de impregnação é a primeira tecnologia denominada Osmose MicroPro, cujo tratamento é certificado como um Produto Ambientalmente Preferível, EPP, por sua sigla em inglês, pelo Scientific Certification System (SCC).

 

>