A CMPC responde ativamente à emergência sanitária global do COVID-19

Propósito Corporativo
Conservar, Conviver e Criar

--

ODS Impactado

3; 10; 17

A Companhia, através do Softys, adquiriu cinco máquinas para a fabricação de máscaras tipo cirúrgicas. Duas destas aterrissaram no fim de semana, 10 de abril, no Chile e no Brasil e já estão em processo de montagem, enquanto as outras serão instaladas no Peru, no México e uma segunda unidade no Brasil. As máscaras serão entregues gratuitamente aos serviços públicos de cada país desde o princípio de maio, e estima-se que alcançará uma produção de 18 milhões e 500 mil máscaras mensais nos quatro países. Destas, só se reservará uma porcentagem necessária para o cuidado dos trabalhadores da empresa. Também através do Softys, realiza-se a doação ao Serviço Nacional do Idoso do Chile, SENAMA, de 100.000 unidades de fraldas para adultos Cotidian e mil unidades de garrafas de álcool em gel Elite Profesional, de 1 litro. Através desta instituição, a ajuda será distribuída nas regiões mais afetadas, isto é, La Araucanía, Biobío, Ñuble e Metropolitana.

Ao mesmo tempo, a CMPC está tomando medidas sanitárias nas comunas chilenas de Puente Alto (região Metropolitana), Nacimiento, Laja, Los Ángeles e Mulchén (região de Biobío) e Villa Mininco (região de La Araucanía), como a desinfecção de entradas e espaços comuns das plantas da empresa, acessos a centros de saúde e, também, as ruas mais concorridas. No caso específico de Puente Alto, são entregues elementos de proteção pessoal e higiene na prisão, além disso a empresa higienizou, em duas ocasiões, as dependências administrativas do centro penitenciário.

Junto com o Desafio Levantemos Chile, a empresa é parte do projeto “Clínicas Móveis”, iniciativa que busca descongestionar a rede de saúde pública e privada das regiões de Biobío e La Araucanía, através de furgões que permitem levar assistência médica a casas particulares, entregar remédios, vacinar contra a influenza e, inclusive, fazer testes do coronavírus. Além disso, a CMPC concedeu à Prefeitura de Biobío o seu antigo edifício corporativo na cidade de Los Ángeles, para que possa ser utilizado como hospital de campanha para doentes sem maiores complicações e, assim, ajudar a descongestionar os centros de saúde da província e permitir mais vagas para aqueles que precisarem ser hospitalizados. No recinto haverá 200 camas disponíveis.

Por outro lado, a empresa financiará o fundo concursável “COVID, Colaboração e Vida” da Fundação Chile, que busca apoiar os empreendedores que tenham soluções perante a emergência do coronavírus.

No nível interno, a CMPC desenvolveu, desde fevereiro, protocolos progressivos de manejo que assegurem o total cumprimento das recomendações das autoridades sanitárias no níveis mundial e local. Tais protocolos foram-se atualizando periodicamente. As medidas de cuidado e proteção para toda a equipe da CMPC, em todos os países onde operamos, incluem implementação de home office para o pessoal administrativo -medida que se realiza desde 16 de março e que tem tido resultados muito bons-, mais uma série de sugestões de atividades recreativas e esportivas para realizar em casa.

Dentro das medidas que foram tomadas em cada planta encontram-se a adequação de turnos operacionais para reduzir ao máximo o contato com o interior e a implantação de protocolos para os serviços de limpeza, alimentos e transporte, bem como, também, tarefas intensas e permanentes de sanitização, controle dos espaços públicos para que se evitem aglomerações, estabelecendo demarcações de distância para evitar o contato físico entre os colaboradores, aumento do número de ônibus de traslado para que se concentrem menos pessoas dentro desses, entre outras. Permanentemente, estão sendo analisadas novas medidas para serem incorporadas e, assim, diminuir os riscos de contágio do vírus. Tudo isto sobre a base de um protocolo de prevenção amplamente divulgado, visitas ao terreno e comunicação permanente do Gerente Geral.

>