January 24, 2023

Zero Waste Sack, desenvolvido pela CMPC, permite que a embalagem seja incorporada junto com o cimento no misturador, desintegrando-se em apenas sete minutos graças à ação mecânica da água. Uma solução inédita no Chile que faz com que a embalagem seja um elemento a mais do concreto.

Uma nova edição do Packaging Innovation Award – organizado pelo Centro de Inovação em Recipientes e Embalagens LABEN-CHILE da Universidade de Santiago e CO-Inventa, uma plataforma de inovação aberta de recipientes e embalagens apoiada pela Corfo – foi realizado esta semana. O vencedor desta quarta versão, denominada “Inovação em embalagens: Sustentabilidade e Mudanças Climáticas”, foi um produto inédito no país: um saco de cimento ecológico que é adicionado diretamente na máquina de mistura sem gerar resíduos.

Fabricado nas plantas da CMPC em Laja e Chillán, Zero Waste Sack representa uma solução acessível para o problema de tratamento de resíduos, especialmente para áreas do país onde há dificuldades para o gerenciamento adequado de resíduos, como Ilha de Páscoa ou Punta Arenas.

A Ministra do Meio Ambiente, Maisa Rojas, referiu-se ao concurso e à entrada em vigor do objetivo de coleta e valorização de embalagens no âmbito da Lei REP: “o desenvolvimento de embalagens ou recipientes inovadores que reconheçam a existência da crise climática e a contaminação permitirá o desenvolvimento de produtos que são uma contribuição para as soluções que o planeta precisa. Isso se torna muito mais importante quando estamos a poucos meses da meta de coleta e recuperação de recipientes e embalagens enquadrada em nossa Lei de Responsabilidade Estendida do Produtor ou Lei REP. A aplicação deste regulamento exigirá artigos que facilitem a reciclagem de milhares de produtos de consumo. Parabenizo os vencedores desta quarta versão do prêmio e convido os players do setor a se desafiarem e impulsionarem a inovação em sustentabilidade em recipientes e embalagens”.

 

Por sua vez, o gerente de Inovação e Produtos Sack Kraft da CMPC Cristián Barrera, destacou que o produto oferece uma solução para o problema de gestão de resíduos na indústria da construção e acrescentou que “este prêmio é o reconhecimento do esforço de uma grande equipe da CMPC formada por pessoas das áreas de I+D, Inovação, Pulp&Paper e Sack Kraft. Este grupo está fortemente focado em inovar no desenvolvimento de sustentáveis de packaging para nossos clientes à base de fibras naturais com um único objetivo, construir um futuro melhor para o nosso planeta”-.

Zero Waste Sack foi escolhido em primeiro lugar entre um grupo de três finalistas que incluíam uma garrafa retornável feita 100% de PET reciclável e “Ecofilm -Multiflex”, uma embalagem flexível, multiuso e reciclável para peixes, carnes e frutos do mar congelados.