Isto É CMPC

Mais de 98 anos de história

17.139 trabalhadores diretos

Em 8 países com operações industriais

45 países aos quais chegam nossos produtos

87% da geração de energia elétrica é a partir de fontes renováveis

800 mil toneladas de papel e papelão recicladas por ano

380 mil hectares destinados à conservação de bosques nativos no Chile, Brasil e Argentina

A CMPC é uma empresa global que produz e comercializa produtos derivados de fibras provenientes de plantações sustentáveis e certificadas, além de material reciclado. Nossos produtos são: madeiras, celulose, papéis para embalagem e produtos tissue.

Nuestra Historia

1920

Nos constituímos como empresa e iniciamos a produção de papéis, papelões e celulose com base de palha de trigo em uma fábrica do bairro de Puente Alto, em Santiago do Chile.

1951

Iniciamos as operações da fábrica de papel jornal e kraft na cidade de Valdivia, no sul do Chile.

1959

Começamos a operar a primeira planta de celulose, localizada em Laja, no sul do Chile.

1960

Realizamos a primeira exportação de celulose chilena para a América do Sul.

1978

Construímos nossa fábrica de tissue no bairro de Puente Alto, em Santiago do Chile.

1991

Realizamos o primeiro investimento fora do Chile, ao adquirir na Argentina a fabricante de fraldas Química Estrella San Luis S.A.

1994

Adquirimos IPUSA no Uruguai (tissue) e FABI (bolsas industriais) na Argentina.

1995

Nos estruturamos como um holding, com cinco áreas de negócios.

1996

Compramos a Papelera del Plata, fabricante de tissue na Argentina. Nesse mesmo ano, através de CMPC Tissue partimos com as operações no Peru.

2000

Nasce a Fundação CMPC com a missão de fortalecer a educação e a cultura das comunidades onde estamos presentes.

2006

Chegamos ao México graças à compra da ABSORMEX.

2007

É a vez de aterrissar na Colômbia, após a compra da Drypers Andina, dedicada à fabricação e à comercialização de fraldas infantis.

2009

No Brasil, damos um salto importante no negócio florestal, de celulose e tissue ao comprar a Planta Guaíba e Melhoramentos Papéis.

2012

Obtemos a certificação FSC (Forest Stewardship Council), acreditação internacional que garante que nossos produtos possuem sua origem em bosques com boas práticas ambientais.

2013

Reorganizamos nossas filiais em quatro negócios: Florestal, Celulose, Papéis e Tissue.

2015

Início de operação da nova linha de Celulose Guaíba no Brasil e da planta de Cogeração de Energia em Altamira, México.

2016

Nova reorganização aumenta de sete para nove o número de diretores e de quatro áreas de negócio passamos a três: Celulose, Papéis e Tissue.

2017

Inauguramos uma moderna planta de Tissue em Cañete, Peru. Além disso nos convertemos na primeira empresa chilena em colocar um Bônus Verde (de US$ 500 milhões) nos mercados internacionais.